Alimentos Gravídicos

Alimentos gravídicos são os valores devidos pelo futuro pai à gestante durante a gravidez (da concepção até o parto) e que se destinam a ajudar a cobrir as despesas adicionais que normalmente ocorrem durante a gestação e que são dela diretamente decorrentes como, por exemplo: alimentação especial, assistência médica e psicológica, exames complementares, internações, parto, medicamentos e demais prescrições preventivas e terapêuticas a juízo do médico, além de outras que o juiz considere pertinentes. O auxilio será oferecido na proporção dos recursos de ambos.

Muitas vezes a gravidez acontece de forma inesperada e o companheiro ao tomar conhecimento da paternidade, não oferece auxilio a gestante no momento em que ela mais necessita de afeto e assistência financeira.
Para ter direito aos alimentos gravídicos, a gestante deve indicar as circunstâncias em que a gravidez ocorreu e apontar o nome do suposto pai. Após o nascimento com vida, o auxílio é convertido em pensão alimentícia em favor da criança até que uma das partes solicite a sua revisão.

Cadastre-se em nossa newsletter e receba em primeira mão as novidades do escritório